eleiçoes e o batizado

Domingo foi um dia longo. Começou as 5 da manha, escrevendo um texto pro batizado da Flavie, minha mais nova sobrinha e o bebe mais lindo e meigo que eu ja encontrei, e olha que ando encontrando muitos bebes lately.

Que tarefa complicada foi escrever um texto pra uma coisa que nao significa nada pra mim. Mas eu tava inspirada com as eleições, com a Dilma, e meu texto ficou meio que feminista, libertário, e até o padre veio falar comigo depois. Foi um dia lindo, o outono nas cidadezinhas do Quebec sao memoráveis. As cores, os lagos, realmente bonito.

Mas a noite anterior tinha me deixado brava. Irritada com a ignorância de alguns colegas. Fr. tinha escrito algo no facebook que tinha me deixado puta, uma piada de um velhinho que tava perdendo a memória, e se dava conta disso pq no meio da noite estava a bater na porta da empregada pra “dar uma”, ao que a empregada respondia: “outra seu jose?”. … Fr estudou comigo nos eua, trabalha em sp numa organização nao governamental que se ocupa em melhorar a educação nas favelas. Fr foi pra Africa, tem um discurso todo formatado de como é necessário a conscientizaçao das pessoas e tal, e me escreve uma coisa dessas… Nao é pra ficar puta??? Casa grande e senzala. Provavelmente ele nem sabe que esse livro existe. Pior ainda, talvez ja até tenha lido, mas sei la, achou que era uma pornochanchada, sei la. Eu fico puta com essa gente que é assim tao incongruente. Mas fr faz parte dessa classe média medíocre brasileira, que perde a virgindade com a empregada e nem se da conta de que ela nao queria transar. Tem muitos frs por ai, e eu encontrei muitos deles na escola.

E foi com esse espirito que eu fui votar domingo. Eu esperava que a Dilma ganhasse no primeiro turno. Montreal votou Serra. What a shame. E como sempre, os discursos eram os mesmos: Dilma era uma guerrilheira sanguinaria! Traidora da patria! Meu deus, sera que essa gente teve perda total de memoria? Esse povo tinha 20 anos quando a ditadura matou, torturou, estuprou milhares de pessoas no brasil! Onde é que essa gente tava que nao se lembra disso?

Mas tem sempre o worst case cenario, essa gente sabe de tudo e isso e realmente acreditam que a ditadura so veio pra ajudar, e que os que lutavam pela democracia eram uns vandalos estudantinhos que nao tinham mais nada que fazer da vida.

Eu realmente nao tenho paciência pra esse tipo de gente.

Ao menos o domingo acabou bem, com a familia reunida pra festejar a Flavie. Que é linda!

k

Advertisements

One thought on “eleiçoes e o batizado

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s