O pensamento poético

A neve so começou a cair agora a tarde, pela manha quando sai pra analise o dia seguia frio (mais frio que agora) e com um tímido sol. Minha teoria de que dias ensolarados sao os dias mais frios se confirma a cada dia que o sol sai.

Mas esse nao era o ponto da conversa. Terminando Men in Dark Times da Hannah no caminho pra analise, mergulhada na estoria do benjamin. A Hannah diz que benjamin acreditava que tínhamos um tipo especial de pensamento, o pensamento poético, e foi isto (entre outras coisas) que o fez escrever em “parabolas”, citações, pq pra ele essa era entao a unica forma possível de escrever. Pra ele, que nao tinha lido Wittgenstein, a linguagem era realmente tudo com isso todos os problemas sejam eles políticos ou filosóficos eram na verdade problemas linguisticos. O Foucault bebeu muito nessa fonte.

Ontem Guillaume dizia: vc precisa parar de ler a Hannah! Eu me apaixono pela estoria de vida das pessoas. Todos os filósofos, poetas, escritores que eu amo tiveram uma trajectória de vida muito especial. Acho que isso se estende pra amigos também.

Vou voltando pro livro, nesse friozinho, namorar e ler é o que ha!

k

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s